Campanha de Oração e Jejum por Chuva no Espírito Santo

Mais uma vez quero compartilhar com os irmãos daquilo que o Senhor tem incomodado o meu coração como parte do ministério que recebi e que procuro desenvolver na esfera política. Dias desses, um amigo que trabalha na CESAN, empresa onde prestei serviços por 37 anos, me telefonou para conversarmos sobre a seca histórica que castiga o nosso Estado, trazendo um cenário desolador, fome, desabastecimento, alguns municípios decretando situação de emergência, outros fazendo racionamento no consumo de água, acarretando grandes prejuízos na pecuária e na agricultura do nosso estado. E foi dele que recebi um recado de Deus. “Os evangélicos, estão orando para Deus mandar chuva?”, perguntou ele.

Logo me lembrei do tempo de Elias, quando Deus atendeu à oração do profeta e a vida voltou a brotar na terra com a abundante chuva. Creio que está diante do povo de Deus, uma grande oportunidade de ajudar ao próximo, demonstrar nossa fé e amor e buscar no Senhor a força para alcançarmos esta benção. E nada melhor que realizar uma Campanha de Jejum e Oração e pedir a Deus que envie chuva sobre o nosso Estado. Sugerimos que sua Igreja faça esta campanha, do dia 08 ao dia 15 de novembro (dia da Proclamação da República), com mensagens no Boletim Informativo, no data show, na EBD, nas Células e reforçadas durante os cultos.

A Palavra de Deus, em II Crônicas 7:14 diz: “Se meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face e se converter dos seus maus caminhos, então eu ouvirei dos céus, e perdoarei os seus pecados, e SARAREI a sua terra.”

Posso afirmar, que as orações dos um milhão e meio de evangélicos do nosso estado pode alcançar o coração de Deus. Como no tempo de Elias, mesmo que a Meteorologia não consiga entender ou explicar. Cremos que Deus pode derramar uma abundante chuva sobre o nosso Estado, ainda que o sinal seja apenas uma pequena nuvem do tamanho da mão de um homem.

Deixe um Comentário

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>